Garota de programa é morta a tiros quando esperava por cliente

A mulher chegou a ser socorrida por uma viatura da Polícia Militar, mas morreu.

Uma garota de programa foi morta a tiros na noite desta segunda-feira em Betim, região metropolitana de Belo Horizonte. Segundo informações da Polícia Militar, Cleonice Maria Teixeira, 46 anos, estava à espera de um cliente em uma praça no centro da cidade quando foi alvejada com dois tiros na cabeça. Segundo a PM, o suspeito teria chamado a vítima pelo nome antes de efetuar os disparos.

A mulher chegou a ser socorrida por uma viatura da Polícia Militar, mas morreu ao dar entrada no Hospital Regional de Betim.

Segundo a filha da vítima, Cleonice estava sendo ameaçada por um traficante da região, conhecido apenas como André. Ela teria presenciado um estupro contra uma criança de 8 anos cometido pelo irmão do suspeito e feito uma denúncia. A polícia informou já ter identificado o homem.

Por volta das 9h desta terça-feira, policiais civis e militares faziam buscas pelo principal suspeito de ter matado Cleonice. O caso foi registrado na Delegacia de Homicídios da cidade.

Fonte: Terra