Grupo apoiado pelos EUA aparece decapitando criança em vídeo

O assassinato teria acontecido no campo de refugiados palestino

Combatentes de um grupo armado sírio apoiado pelos Estados Unidos — que os considera a "oposição moderada" ao regime do ditador Bashar al Assad — foram filmados brutalmente decapitando uma criança. Nas imagens, membros do Nour al-Din al-zenki aparecem na traseira de um caminhão com uma criança, que não parece ter mais do que 11 anos de idade.

Os homens dizem que o menino é um soldado de um grupo rival que apóia as forças do governo sírio de Bashar al Assad. No vídeo, um dos militantes grita "Allahu Akbar" ("Deus é grande"), e crava uma faca no pescoço do menino, arrancando sua cabeça.

Após decapitar o menino, o homem ergue a cabeça e grita para a câmera. O assassinato teria acontecido no campo de refugiados palestino de Handarat, no norte da cidade de Aleppo.

Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações do R7