Grupo de 80 pessoas saqueia e destrói loja em Porto Alegre

A polícia acredita que a invasão tenha sido motivada por uma tentativa de vingança

Um grupo de pelo menos 80 pessoas invadiu nesta madrugada uma loja no bairro Rubem Berta, na zona norte de Porto Alegre. O local foi saqueado. Móveis e prateleiras foram destruídos, segundo informações da Polícia Militar. Nenhum suspeito foi preso.

De acordo com o tenente-coronel Florivaldo Pereira Damasceno, comandante do 20º Batalhão da Polícia Militar, a PM foi acionada por volta da 0h. "Ainda chegamos a tempo de evitar danos maiores", disse.

Segundo informações iniciais, a polícia acredita que a invasão tenha sido motivada por uma tentativa de vingança. O caso estaria ligado a um crime ocorrido ontem, em uma loja de móveis que fica em frente ao estabelecimento destruído.

Um jovem, Marco Aurélio de Ávila Hergesell, 21 anos, foi morto a tiros e o pai dele, Lauri Hergesell, 41 anos, foi baleado. O sobrevivente foi atingido no abdome e passou por um cirurgia, no Hospital Cristo Redentor. De acordo com o tenente-coronel Pereira, Marco Aurélio namorava a filha do dono da loja saqueada. A Polícia Civil vai investigar a ligação entre os crimes.

Fonte: Terra, www.terra.com.br