Grupo Matizes se reúne com delegado para discutir discriminação sexual

Grupo Matizes se reúne com delegado para discutir discriminação sexual

A reunião será realizada no auditório da Delegacia Geral da Polícia Civil do Piauí, no Centro de Teresina, próximo à praça Saraiva, a partir das 15 horas

Nesta sexta-feira (30), o delegado Emir Maia, titular da Delegacia de Repressão às Condutas Discriminatórias, receberá diversas entidades de defesa dos direitos humanos no Estado. O Grupo Matizes participará do encontro, cujo objetivo é ouvir as principais demandas das entidades para o posterior desenvolvimento de políticas e ações de combate à discriminação.

A reunião será realizada no auditório da Delegacia Geral da Polícia Civil do Piauí, no Centro de Teresina, próximo à praça Saraiva, a partir das 15 horas.

De acordo com Marinalva Santana, coordenadora do Grupo Matizes, a reunião servirá para alinhar os trabalhos das entidades com a Polícia Civil, visto o crescente aumento de casos de discriminação à população LGBT no Piauí. “Este encontro mostra o interesse do delegado Emir Maia em fazer um trabalho atento às reais necessidades e anseios dos segmentos sociais que são discriminados. Nós, do Grupo Matizes, vamos colaborar com o que for necessário”, afirma Marinalva.

Entre as entidades convidadas a participar do encontro estão: Coisa de Nêgo, Grupo Afoxá, Grupo Nós Tudinha, Atrapi (Associação de Travestis do Piauí) e GpTrans (Grupo Piauiense de Transexuais e Travestis). “Precisamos nos unir para combater e dirimir toda ação discriminatória. Esperamos que a parceria com a Delegacia de Repressão às Condutas Discriminatórias e Proteção dos Direitos Humanos traga resultados concretos em prol da comunidade LGBT”, finaliza Carmem Ribeiro, do Grupo Matizes.

Clique aqui e curta o Meionorte.com no Facebook

Fonte: Jornal Meio Norte