Grupo sequestra motoristas e levam 36 pneus de caminhão

Na ação, que durou cerca de quatro horas, os suspeitos conseguiram retirar e roubar 36 pneus de apenas um dos veículos.

Uma nova modalidade de crime está preocupando as autoridades policiais no Sul do Piauí. Na madrugada desta segunda-feira (21) a polícia registrou roubos a dois caminhões do tipo bitrem na cidade de Nazaré do Piauí. Segundo o capitão Lisandro Honório da Polícia Militar, os suspeitos não pretendiam levar os veículos e nem a carga transportada, o alvo dos criminosos era os pneus dos veículos. Na ação, que durou cerca de quatro horas, os suspeitos conseguiram retirar e roubar 36 pneus de apenas um dos veículos.

Esse último assalto começou a ser realizado ainda na noite do domingo (20), quando homens armados renderam dois caminhoneiros que dormiam no pátio de um posto de gasolina. ?Eles sempre escolhem os motoristas que param em postos de pouco movimento e sem vigia. Desta vez, abordaram duas vítimas e levaram os caminhões para uma estrada vicinal. No local, fizeram a retirada de todos os pneus de um dos caminhões?, contou o capitão.

Ainda segundo o capitão, por volta das 4h da manhã a policial conseguiu localizar os veículos, mas os suspeitos já haviam fugido. ?Eles ainda conseguiram os 36 pneus de um dos caminhões. O outro veículo estava ao lado, mas não deu tempo deles realizarem o roubo. Os caminhoneiros foram encontrados amarrados no matagal, próximo aos caminhões?, destacou Castilho.

A polícia informou que as vítimas são naturais da cidade de Balsas, no Maranhão, e ambos não tiveram ferimentos graves. ?Eles estavam de passagem pelo Piauí e resolveram para no posto para descansar. Sobre os criminosos, disseram apenas que quatro homens os abordaram no posto, depois os amarraram e levaram até uma estrada vicinal?, relatou Honório.

Sobre os suspeitos, Honório Castilho informou que a Polícia Militar e a Polícia Civil já estão investigando o caso e esperam prender os criminosos. ?Essa quadrilha é especializada e tem toda uma estrutura. Por exemplo, os 36 pneus que roubaram, eles só conseguiram levar porque tinham outro caminhão para colocar os produtos. Também acreditamos que existe um receptador para toda esta carga, que é avaliada em cerca de R$ 40 mil?, afirmou o capitão.

O capitão chama atenção para a forma de atuação do grupo criminoso. ?Essa é uma quadrilha especializada em roubar pneus. Não é a primeira vez que agem nesta região. Nos últimos dois anos esse é a terceiro crime do tipo que registramos?, informou o capitão Castilho.

Fonte: Riachão Net