Após denúncias três guardas civis são detidos por extorsão

Após denúncias três guardas civis são detidos por extorsão

Chegando próximo ao local, a viatura encontrou um dos veículos suspeitos, que era ocupado por um guarda civil

Três guardas civis municipais (GCMs) de Itapevi, na Grande São Paulo, foram detidos na noite desta segunda-feira, acusados de extorsão. Segundo informações da Polícia Militar, a corporação recebeu uma denúncia de que homens teriam colocado jovens à força dentro de dois carros e uma viatura foi verificar o fato.

Chegando próximo ao local, a viatura encontrou um dos veículos suspeitos, que era ocupado por um guarda civil. Como não foi encontrado nada com o homem, os policiais continuaram o patrulhamento, até encontrar outro veículo suspeito, que apreendeu fuga por alguns metros. Ainda de acordo com a PM, durante o trajeto, os suspeitos jogaram pela janela do carro uma sacola plástica.

Durante a abordagem, dois homens se identificaram como guardas civis de Itapevi e o outro, um adolescente, se disse vítima dos guardas. O jovem alegou que estava com amigos quando foi abordado por três homens e obrigado a entrar no carro. Ainda segundo a vítima, os colegas conseguiram fugir durante um momento de distração dos GCMs.

Obrigado a entrar no carro com os dois agentes, o jovem falou que percorreu algumas ruas e foi ameaçado por 40 minutos. Durante todo o tempo, os homens exigiam dinheiro da vítima. A suspeita é de que o adolescente tenha sido abordado em um ponto de tráfico da cidade.

Na sacola descartada pelos ocupantes do carro, a polícia encontrou maconha e um revólver calibre 22. Os dois suspeitos foram detidos e encaminhados para o Departamento Central de Itapevi. O terceiro homem, abordado anteriormente, foi detido e liberado em seguida, pois não foi configurado o flagrante.

Fonte: Terra