Guardas são detidos após abordar policial civil em shopping

O advogado de defesa também disse que o cliente foi constrangido pelos guardas.

Um policial civil e dois guardas civis municipais foram parar na delegacia na noite de domingo após uma confusão no Shopping Boa Vista, em Santo Amaro, zona sul da capital paulista. O agente civil estava de folga, passeando com a mulher e os filhos, quando uma pessoa notou, no banheiro, que ele estava armado e alertou a segurança. Os seguranças o abordaram e disseram que ele se recusou a mostrar a identificação. A Guarda Civil Municipal foi chamada e, segundo a mulher do policial, o marido foi ameaçado pois disse que só se identificaria para outro policial. As informações são do Bom Dia SP.

Nas imagens registradas pela mulher do policial, é possível ver quando o agente se aproxima de um dos guardas e é empurrado. O advogado de defesa também disse que o cliente foi constrangido pelos guardas. "(Os guardas) começaram a impedir que ele transitasse pelo ambiente. Quando chegou a PM, ele se identificou prontamente", contou Gustavo Bonelli. Após o policial civil se identificar, os PMs deram voz de prisão aos guardas, que foram levados à delegacia. Lá, eles assinaram um termo circunstanciado e foram liberados. A GCM e o advogado do policial civil vão pedir as imagens do circuito interno do shopping para apurar o caso.

Fonte: Terra