"Há terrorismo com soltura de Correia Lima", diz advogado Leôncio Coelho

Segundo o advogado, seis acusados de participar do crime organizado já estão soltos

O adovogado de defesa do coronel José Viriato Correia Lima, Leôncio Coelho concedeu entrevista ao programa Agora, apresentando por Silas Freire e Elizabeth Sá. Ele falou sobre a possível soltura do coronel, que está preso em regime fechado por chefiar o crime orgazinado no Piauí. ?Temos vários habeas-corpus tramitando no Supremo Tribunal Federal. Estão querendo causar terrorismo com a soltura do coronel Correia Lima, que está cumprindo sua pena, não está falando nome de ninguém e nem concedendo entrevistas?, afirmou Leônio Coelho.

Segundo o advogado, seis acusados de participar do crime organizado já estão soltos e somente o coronel está preso. ?Mesmo com a soltura deles, não houve terrorismo no Estado e dois já estão usando fardas da Polícia Militar no município Fronteiras?.

Leôncio Coelho destacou que não existe prisão perpétua no Brasil e que a pena máxima é de 30 anos. Segundo ele, existe o Programa de Regime em que os detentos entram com o regime fechado, passam para o semi-aberto e depois para o regime aberto. ?O coronel Correia Lima foi o único que não passou por essa transição?.

Durante a entrevista, o advogado José Leôncio disse ainda que o processo penal não é brincadeira e que foi criado um clima medo e terror. ?Muitos políticos já usaram ele como palco eleitoral e agora querem que ele seja condenado em praça pública e chicoteado?. Com relação à patente militar de Lima, Lêoncio disse que foi suspensa, mas que ele não a perdeu.

Fonte: André Moura, meionorte.com