Alunos e professores sofrem ameaça de chacina no Piauí

Alunos e professores sofrem ameaça de chacina no Piauí

Ele ameça que, se houver aulas, vai entrar nas salas e fazer uma chacina contra alunos e professores

Um homem de aproximadamente 28 anos, identificado como Geovane Bento da Silva, mais conhecido como ?Nego da Beatriz?, está ameaçando as escolas do município de Luzilândia (264 km de Teresina) há mais de um mês.

Ele ameça que, se houver aulas, vai entrar nas salas e fazer uma chacina contra alunos e professores. Por conta disso, as 26 escolas do município, sendo 24 públicas e 2 particulares, estão com as atividades paradas há duas semanas atrasando o calendário escolar.

Segundo informações, o homem tem passagem pela polícia por três homicídios e estava em liberdade condicional. O mandado de prisão para Geovane já foi expedido, mas o suspeito é considerado foragido.

O principal alvo do acusado seria os filhos de policiais para uma especie de retaliação. "Em várias escolas existem filhos de policiais que o homem ameaça torturar e matar", conta uma testemunha.

Segundo informações de um professor que não quis se identificar, a população está assustada e que as mães dos alunos afirmam que preferem que os filhos percam o ano do que percam a vida.

De acordo com ele, o homem está pelas redondezas da cidade e que os professores que trabalham na zona rural correm um risco ainda maior por não haver policiamento.

"Já houve vários alarmes falsos da sua possível localização, mas todos foram alarmes falsos. Estamos muito assustados e ninguém toma nenhuma providência", finalizou o professor.

Houve uma reunião entre a Secretaria de Educação com professores, pais e polícia, em que ficou acordado que as aulas no município não iniciariam enquanto o acusado não fosse preso. Segundo o calendário escolar, as aulas começariam na última segunda-feira (21).

Luzilândia é município piauiense de aproximadamente 29 mil habitantes e possui apenas um Batalhão da Polícia Militar.

Fonte: Waldelúcio Barbosa