Homem de 66 anos é assassinado enquanto esperava filho sair de oficina

De acordo com a Polícia Civil, antes de matar Fernandes, o autor do crime tinha tentado roubar outro automóvel

Um homem de 66 anos morreu vítima de um tiro de arma de fogo antes de ter seu carro roubado na manhã desta segunda-feira (5) na BR-116, na altura do quilômetro 108, no bairro Pinheirinho, em Curitiba. Odair Fernandes estava em frente a uma oficina mecânica aguardando o filho, que foi levar um caminhão para o conserto, quando foi abordado por um suspeito que atirou na face da vítima e depois fugiu com o carro.

De acordo com a Polícia Civil, antes de matar Fernandes, o autor do crime tinha tentado roubar outro automóvel em frente a um estabelecimento que realiza exames médicos para autoescolas, na Rua Mariano Snak, também no Pinheirinho. Nesse primeiro ato, o suspeito tentou levar o automóvel, mas a vítima, que estava fora do veículo, reagiu e impediu a ação. O homem chegou a efetuar um disparo contra o proprietário, mas não conseguiu atingi-lo e acabou fugindo rumo à BR-116.

Já na rodovia, o suspeito abordou Fernandes, que estava fora do carro, aguardando o retorno do filho para que pudessem retornar para casa. Segundo o delegado José Vitor Pinhão, da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV), a vítima falava no celular com a esposa no momento em que foi surpreendido pelo criminoso.

?Ele não reagiu, porque estava distraído. A hipótese inicial é de que ele [autor] roubou o carro para realizar uma fuga, porque ninguém roubaria um carro com mo congestionamento que tinha naquela rodovia no momento?, explicou o delegado.

A vítima morreu na hora. O filho dele, que estava na oficina de caminhão, presenciou o ocorrido. O suspeito fugiu com o automóvel ? um Vectra de cor cinza e com placa ATY 7195, de Curitiba ? e ainda não foi localizado.

Fonte: Gazeta do Povo