Homem detona bomba de fabricação caseira dentro de ônibus coletivo

Homem detona bomba de fabricação caseira dentro de ônibus coletivo

Polícia Militar afirma que suspeito contou que queria atingir um passageiro. Duas mulheres ficaram intoxicadas e foram encaminhadas para Cais

Duas passageiras do transporte coletivo se intoxicaram e tiveram ferimentos leves, na manhã desta segunda-feira (28), após um homem de 30 anos acender cerca de 7 bombas caseiras dentro de um ônibus que fazia a linha Praça A ? Terminal Cruzeiro. Um dos artefatos chegou a explodir dentro do veículo que estava em frente a Santa Casa de Misericórdia, no Setor Jardim América, em Goiânia, mas ninguém ficou ferido, afirma aspirante da Polícia Militar Davi Cabral.

Ainda segundo o militar, o suspeito contou que os artefatos foram acendidos na tentativa de atingir um dos passageiros. ?Ele nos disse que tentou ferir uma pessoa com quem ele tem conflitos e ela estava dentro do ônibus. Porém, todos os passageiros desceram rapidamente?, conta o aspirante Davi Cabral.

De acordo com a Polícia Militar, o homem estava foragido do regime semiaberto por uma tentativa de homicídio, mas a PM não soube informar desde quando ele estava sendo procurado. O aspirante Davi Cabral disse que ele foi encaminhado para Complexo Prisional em Aparecida de Goiânia.

Segundo o Corpo de Bombeiros, houve princípio de incêndio, mas a corporação conseguiu realizar o controle das chamas. Quanto às passageiras feridas, os Bombeiros informaram que elas foram encaminhadas para o Centro de Atendimento Integral à Saúde (Cais) do Setor Campinas em estado regular.

A Polícia Militar afirmou que o ônibus continua no local para que o Esquadrão Antibombas desative os explosivos que estão no interior do veículo. A reportagem entrou em contato com a PM e confirmou que até às 11h20 desta segunda-feira (28) o procedimento ainda não tinha sido realizado.

Fonte: G1