Acusado de estuprar mulher em banheiro de metrô é apresentado

Acusado de estuprar mulher em banheiro de metrô é apresentado

Na delegacia, Oliveira, que é casado e pai de uma menina, admitiu ter atacado a mulher no metrô

A polícia apresentou na manhã desta terça-feira (21) o suspeito de estuprar uma mulher no banheiro do metrô na estação Central do Brasil, no centro do Rio. O caso ocorreu em janeiro deste ano. Adriano William de Oliveira, de 42 anos, foi reconhecido pela vítima.

De acordo com o delegado Luiz Lima Ramos Filho, titular da Delegacia da Praça da República (4ª DP), o homem já estava preso no complexo penitenciário de Bangu, na zona oeste, desde 23 de fevereiro, quando foi flagrado assaltando uma mulher no centro.

Na delegacia, Oliveira, que é casado e pai de uma menina, admitiu ter atacado a mulher no metrô, mas alegou estar drogado na ocasião e, por isso, não lembra de detalhes. Ele disse estar arrependido.

?Só lembro que fui assaltar a jovem [no banheiro] sem arma. Estava drogado e nunca tinha feito isso na minha vida. Estou arrependido.

Câmeras ajudaram

No início de maio a Polícia Civil havia divulgado imagens do circuito de monitoramento da estação de metrô da Central. Na filmagem um homem fugiu correndo após, supostamente, cometer o estupro.

No vídeo, o homem aparece desembarcando de uma composição na estação e se dirigindo ao banheiro. No caminho, ele enrola uma camisa preta no pulso, como se tentasse forjar uma arma.

Após sair do vestiário, ele corre para abandonar a estação. O homem se confunde e tenta sair pela catraca de entrada. Sem conseguir girar a roleta, ele passa por baixo do ferro. Aparentemente nervoso, o suspeito deixa cair uma gravata no chão e, alertado por uma mulher, volta para pegar o acessório.

Fonte: r7