Homem é apedrejado até a morte em possível crime por homofobia

Ele estava nu, com as pernas amarradas e com marcas de pedradas

Alexandre João Batista Santiago, de 32 anos foi encontrado morto em uma  praça no Centro de Florianópolis. Ele estava nu, com as pernas amarradas e com feridas provocadas por pedradas. O crime aconteceu no último sábado (06).

As investigações ainda estão no começo, mas a polícia já está recebendo informações sobre o que pode ter levado o rapaz à morte. Nas redes sociais, amigos de Santiago sugerem a causa do crime como homofobia.

“Ainda estamos levantando as informações, mas a princípio foi uma confusão com moradores de rua”, afirma o delegado responsável pelo caso, Ênio de Oliveira Matos. A polícia trabalha para levantar essas informações e identificar os envolvidos

Image title

Fonte: Com informações do Superpride