Homem é condenado por homicídio praticado por homofobia em Picos

O crime aconteceu no dia 29 de julho de 2013 e o acusado foi preso

O acusado Manoel Luiz Pereira da Silva, foi condenado a 17 anos e 10 meses pelo assassinato do vigilante, Wilson Alves Morais, crime praticado por homofobia no dia 29 de julho de 2013. O caso foi registrado em Picos. 

Image title

Para o Ministério Público não resta dúvidas de que o crime foi de homofobia. Segundo relatos do promotor de Justiça Márcio Carcará, o acusado assassinou a vítima a pauladas após ter aceitado sair com o mesmo em troca de R$ 20.

O réu confessou o crime e alegou que o ato foi praticado porque a vítima teria se negado a pagar a quantia oferecida como pagamento pelo encontro. Manoel da Silva foi levado para a penitenciária de Picos.

Fonte: Portal Meio Norte