Homem é condenado por matar ex-mulher a cadeiradas

O crime ocorreu no dia 12 de fevereiro do ano passado, um sábado de Carnaval, em Cuiabá

Um rapaz que havia sido acusado pelo Ministério Público de matar a ex-mulher com pancadas na cabeça, provocadas por uma cadeira, foi condenado nesta semana a 23 anos de prisão, em Mato Grosso.

O crime ocorreu no dia 12 de fevereiro do ano passado, um sábado de Carnaval, em Cuiabá. O júri foi realizado na última segunda-feira (25).

Segundo a Promotoria, o rapaz estava inconformado com o fim do relacionamento e, na ocasião, foi à casa dos pais da vítima para tentar reatar a união. No entanto, acabou agredindo a moça com uma cadeira. A vítima sofreu traumatismo crânio encefálico.

Fonte: Folha Online, www.folha.com.br