Homem é ferido por bala perdida em tiroreio entre PMs e bandidos

Três balas atingiram o veículo dos PMs: no parabrisa, na porta do motorista e no motor

Leandro Bezerra Cavalcante ficou ferido com um tiro de raspão no rosto depois de ser atingido por uma bala perdida durante uma troca de tiros na noite de quinta-feira envolvendo policiais militares do Grupamento de Policiamento Transportado em Ônibus Urbano (Gptou) da PM e dois ocupantes de uma motocicleta Honda Xr 300, na Avenida Dom Hélder Câmara, em Benfica. Leandro foi medicado no Hospital Souza Aguiar, no Centro, e liberado.

Os PMs disseram que por volta das 20h perceberam que a motocicleta não parou num sinal vermelho e iniciaram uma perseguição. Ainda de acordo com os policiais, na Avenida Dom Hélder Câmara, próximo a uma praça e num dos acessos à Favela do Arará, em Benfica, um dos homens passou a fazer disparos contra o carro ocupado pelos policiais, a patrulha 54 5319. Três balas atingiram o veículo dos PMs: no parabrisa, na porta do motorista e no motor. Os dois homens, segundo os policiais, conseguiram fugir entrando na favela.

O caso foi registrado na 21ª DP (Bonsucesso). Eles devem convocar Leandro para prestar depoimento nos próximos dias. Na hora do tiroteio era grande o movimento de pedestres e veículos na Avenida Dom Hélder.

Na madrugada do último dia 18, policiais militares do Batalhão de Operações Especiais (Bope) da PM foram acusados de matarem o adolescente Elizeu Santos Trigueiro da Silva, de 15 anos, durante uma operação de repressão ao tráfico na mesma Favela do Arará. Segundo a mãe de Elizeu, a dona de casa Áurea Cristina da Silva Santos, o filho entrava em casa quando foi alvejado pelos agentes do Bope.

A PM abriu inquérito para apurar o caso, mas negou a informação da mãe. Em nota distribuída na época, revelou que o Bope fazia uma operação na favela quando encontrou o adolescente baleado numa viela. Policiais da Divisão de Homicídios (DH) estão investigando o caso.

Em nota distribuída após o fim da operação, a PM informou que o Bope fora ao local em busca de chefes do tráfico. Durante a ação houve confronto e uma outra pessoa, supostamente traficante, foi morta. Os policiais apreenderam pistolas, munição para fuzis e pistolas e droga: 12 cheirinhos da loló, 16 sacolés de maconha hidropônica, 115 sacolés de haxixe, 191 sacolés de maconha, 56 sacolés de crack, 402 sacolés de cocaína e um caderno de anotações do tráfico.

Fonte: Extra