Homem é julgado e condenado a 64 anos de prisão por matar namorada

O crime aconteceu em 2013 em Piripiri

Homem é julgado e condenado a 64 anos de prisão por assassinar sua namorada em Piripiri


Foi julgado e condenado o homem identificado como Gleidson Breno Santos Ferreira, mais conhecido como Dudu, pelo assassinato da ex-namorada de apenas 15 anos, em 2013, na zona rural do município de Piripiri.

O réu foi condenado por homicídio duplamente qualificado, duas tentativas de homicídio qualificado e dois roubos com causa de aumento de pena. Ele foi sentenciado a 64 anos, 9 meses e 7 dias de prisão.

Segundo a promotora de justiça, Everângela Araújo Barros Parente, “Dudu” assassinou sua namorada, mãe de seu filho, com três disparos de arma de fogo, sendo dois deles na cabeça, e ainda atentou contra a vida da mãe e do irmão da namorada atirando neles, conseguindo acertar somente a mãe da namorada, na perna.

A representante do Ministério Público relatou ainda que o réu antes de cometer o crime roubou a arma, um revólver calibre 38, de um vigilante, colocando um punhal contra o seu pescoço, em seguida roubou uma motocicleta que usou para fugir após o assassinato.

Gleidson Breno Santos Ferreira não se conformava em está separado da vítima há cerca de um ano e tinha ciúmes por ela ter relacionamento com outra pessoa. A promotora explicou que o crime foi planejado.

Fonte: Portal MN