Homem é morto a tiros ao chegar para reunião em comitê político

Para a polícia, tudo indica que foi uma execução.

Um funcionário da Subprefeitura do Campo Limpo, na Zona Sul da capital paulista, foi morto na noite desta quinta-feira (16). Ele chegava para uma reunião no comitê político de um candidato a vereador quando levou três tiros. Para a polícia, trata-se de uma execução, como informou o Bom Dia São Paulo desta sexta (17).


Homem é morto a tiros ao chegar para reunião em comitê político

O criminoso disparou no momento em que o coordenador de Habitação da Subprefeitura do Campo Limpo, Orlando Acássio Ferreira, de 54 anos, chegava ao comitê do vereador Antônio Carlos Rodrigues (PR), ex-presidente da Câmara Municipal, que fica na Estrada de Itapecerica. Cerca de 30 pessoas aguardavam o começo da reunião.

O porteiro de um prédio vizinho ao imóvel onde acontecia o encontro chegou a conversar com o suspeito. Ele estava de moto e disse que não iria demorar. Após os disparos, ele fugiu.

As imagens de uma câmera de segurança de uma escola profissionalizante que fica em cima do comitê serão usadas para tentar identificar o suspeito.

Fonte: G1