Homem é morto por policiais após fazer filhos reféns

Homem é morto por policiais após fazer filhos reféns

De acordo com a mulher do acusado, ele chegou em casa pela manhã, ameaçando

Após permanecer aproximadamente uma hora ameaçando matar os dois filhos, um homem foi morto, na manhã de ontem, no bairro Cigana, Caucaia, na Região Metropolitana, atingido por um tiro efetuado por policiais militares que negociavam a rendição do acusado. Segundo a Polícia, a decisão de atirar em Francisco Reginaldo Alves da Silva, 27, foi tomada no momento em que ele começou a cortar o pescoço do filho de seis anos.

De acordo com a mulher do acusado, ele chegou em casa pela manhã, ameaçando "matar todos" com uma enxada. Ela conseguiu fugir e chamou a Polícia. Depois de meia hora de negociação, os policiais libertaram a criança e o homem foi baleado e morto. Criança baleada

Na noite da última quinta-feira, no bairro Dias Macedo, um adolescente foi morto e duas pessoas baleadas, entre elas, uma criança de dois anos. Esse é o terceiro caso de criança ferida a bala somente esta semana.

Fonte: Diario do Nordeste