Homem é preso por estuprar e matar o próprio filho de apenas um ano; veja

Segundo a Polícia Civil, os vizinhos da família socorreram o menino e o levaram ao hospital, mas ele não resistiu aos ferimentos.

Um homem suspeito de estuprar e matar o próprio filho, um bebê de 1 ano, foi preso na terça-feira, no bairro Hípica, na zona sul de Porto Alegre. No dia 30 de setembro, a criança morreu no Hospital Conceição, na zona norte da capital gaúcha, após ter sido vítima de abuso sexual e tortura. Segundo a Polícia Civil, os vizinhos da família socorreram o menino e o levaram ao hospital, mas ele não resistiu aos ferimentos.

A Delegacia de Polícia para Crianças e Adolescentes (Deca) investigou a morte do bebê e pediu a prisão preventiva do pai dele, de 30 anos. O suspeito foi encontrado escondido em uma construção e encaminhado ao Presídio Central. Ele deve ser indiciado por estupro de vulnerável, tortura e homicídio.

A polícia investiga se a mãe do bebê teve participação nos crimes ou negou socorro à criança. O casal tem outros dois filhos, de 5 e 7 anos, que estão morando na casa da avó materna por ordens do Conselho Tutelar.

Fonte: Terra