Homem estupra e mata irmãs por vingança, diz família

Uma das vítimas foi encontrada em um quarto da casa.

O suspeito de matar e estuprar duas irmãs, Eric Belo Costa, de 24 anos, já tinha apresentado um comportamento violento antes do dia em que cometeu o crime, na terça-feira (5), no interior de uma casa no Itaim Paulista, na zona leste de São Paulo. Uma pessoa ligada à família, que não quis se identificar, conversou com o R7 e falou que o jovem estava com raiva de uma das irmãs por acreditar que ela teria influenciado no fim do casamento dele com uma prima das vítimas. A família acredita que ele quis se vingar.

Image title

Eric era casado e tinha uma filha com uma prima das vítimas. Segundo relatos, ela largou dele porque o marido era usuário de drogas, agressivo e praticava furtos. Após a separação, ela ficou mais próxima de Amanda Aparecida (na foto e uma das mortas). As duas saíam juntas para baladas, Amanda arrumou um emprego para a prima, e Eric dizia que ela "fazia a cabeça" da ex-mulher para que o casal não reatasse.

Eric e Amanda chegaram a discutir. A família acredita que ela era o grande alvo do criminoso e que Kamila foi morta por estar "na hora e no lugar errado".

Kamila foi a primeira a ser morta. Segundo a polícia, o suspeito apagou as luzes e ficou esperando Amanda chegar. Quando ela entrou, foi surpreendida pelo suspeito e também estuprada e morta. As duas foram assassinadas por asfixia.

Image title

Familiares deram falta das duas irmãs, já que uma delas não havia ido buscar a filha na creche, e resolveram procurá-las na casa. Ao chegarem ao local, encontraram Eric na residência, que disse que Amanda havia consumido drogas e por isso não podia atender. A família suspeitou da atitude do homem e, ao entrar na casa, encontrou as duas caídas no local.

Uma das vítimas foi encontrada em um quarto da casa e outra na lavanderia, ambas sem as roupas íntimas e com sinais de agressão.

As mulheres chegaram a ser socorridas e encaminhadas ao Hospital Santa Marcelina do Itaim Paulista, em parada cardiorrespiratória, mas não resistiram e morreram no hospital.

Eric foi preso e vai responder pelo duplo homicídio. O caso foi registrado no 50º DP.

Fonte: R7