Homem flagrado em ato obsceno é preso por assalto a banco

O acusado era foragido da Justiça por tráfico e assalto.

A Secretaria de Segurança Pública, através da Delegacia de Repreensão a Entorpecentes deu cumprimento a mandado de prisão preventiva contra o acusado chamado Felipe de Lima Cerqueira, 26 anos, expedido no dia 1 de janeiro de 2016, pelo juizado da Central de Inquéritos.

Felipe Cerqueira é suspeito de crimes como tráfico de drogas e assalto à bancos. O acusado se tornou mais conhecido da sociedade após aparecer em fotos e vídeos onde praticava atos libidinosos com uma mulher em um pré-carnaval na Zona Leste de Teresina.

O mandado, requerido pela Delegacia de Homicídios, foi cumprido na cidade de Pedro II pelos agentes da DEPRE e os delegados Menandro Pedro e Matheus Zanatta, com apoio da Policia Civil no município.

Delegado Matheus Zanatta e Menandro Pedro (Crédito: Reprodução/TV Meio Norte)
Delegado Matheus Zanatta e Menandro Pedro (Crédito: Reprodução/TV Meio Norte)


De acordo com o delegado Menandro Pedro, o acusado já estava sendo procurado pela polícia há mais de três meses. “Nós já estávamos investigando ele há mais de três meses, nós estamos investigando o tráfico e nessa investigação nós conseguimos também identificar um delegado da Polícia Civil que estava sendo ameaçado por ele. As equipes da DEPRE começaram a trabalhar em cima dele e de toda a sua quadrilha e naquele video postado naquele dia no Cantinho do Jambo todos nós ficamos indignados, ali são atos obscenos, ela mostrou os seios e deixou que ele apalpasse e colocasse a boca, toda a sociedade repudiou, nós que somos delegados somos também pais, ficamos sensibilizados”, declarou.

Ainda segundo ele, assim que o delegado Danúbio expediu um mandado de prisão a polícia trabalhou ddiuturnamente para realizar a sua prisão. “Desde quando nós vimos esse vídeo nós conseguimos identificá-lo, então nós começamos a trabalhar de manhã, de tarde e de noite no intuito de prender esse elemento e ontem nós conseguimos esse êxito na cidade de Pedro II”, afirmou Menandro.

Segundo o delegado Matheus Zanatta, o acusado já tem várias passagens pela polícia. “Ele já tem várias passagens pelo poder judiciário, a primeira delas é por porte ilegal de arma de fogo ao ser flagrado com uma pistola ponto 40, a segunda por porte ilegal por estar com uma pistola 380 e a terceira por assalto a banco na cidade de Campo Maior usando explosivos. Nós estávamos em vigilância na cidade de Pedro II, ele estava circulando pela cidade indo até a sua residência de alto padrão no município e quando ele estava retornando nós fizemos uma abordagem e conseguimos prendê-lo”, falou o delegado.

Sobre uma possível participação da loira, o delegado Matheus Zanatta afirmou que a polícia vai investigar. "Ele fala que não tinha uma amizade íntima com ela, no entanto isso será objeto de investigação, ele é uma pessoa muito fria e calculista. Hoje será feita a investigação do carro que foi encontrado com ele para verificar se existe alguma irregularidade e o paredão na festa nós já tivemos a informação que é dele", disse. 

Acusado preso por assalto a banco (Crédito: Reprodução)
Acusado preso por assalto a banco (Crédito: Reprodução)
Acusado foi visto em cima de trio com loira (Crédito: Reprodução)
Acusado foi visto em cima de trio com loira (Crédito: Reprodução)
Carro encontrado com o acusado (Crédito: Reprodução)
Carro encontrado com o acusado (Crédito: Reprodução)


Fonte: Portal Meio Norte