Homem que entregou jovem por tiro em alemão na Rocinha tem ligação com pastor

Álvaro da Silva Alves, de 39 anos, que se apresentou como evangélico aos policiais da UPP da Rocinha, já foi investigado por vários crimes

homem que entregou o adolescente à polícia como se ele fosse o autor do tiro dado num turista alemão na Favela da Rocinha, Zona Sul do Rio, possui uma extensa ficha criminal. Álvaro da Silva Alves, de 39 anos, que se apresentou como evangélico aos policiais da UPP da Rocinha, já foi investigado por crimes como homicídio, tráfico de drogas e roubo.


Homem que entregou jovem por tiro em alemão na Rocinha tem ligação com pastor

No endereço que consta no nome dele, na Receita Federal, Alvaro mora num imóvel na Avenida Doutor Délio Guaraná, no Eden, em São João de Meriti ? mesmo local onde fica a igreja do pastor Marcos Pereira, da Assembleia de Deus dos Últimos Dias, preso há um mês, acusado de ter cometido dois crimes de estupro e de coagir testemunhas.

A ficha criminal de Alvaro, que acumula 14 anos em condenações na Justiça pelos seus crimes, começou a ser escrita em 1992, quando ele tinha apenas 18 anos. Na época, foi condenado a dois anos de prisão por roubo. No ano seguinte, uma nova condenação, com pena de três anos, por envolvimento com o tráfico de drogas.

Em 1999, Alvaro foi condenado pela terceira vez, por assalto a mão armada. Desta vez, a pena foi mais pesada: nove anos e quatro meses de prisão. No ano 2000, Alvaro foi acusado de participação num homicídio. Ele deve ser ouvido nos próximos dias pela Delegacia Especial de Apoio ao Turismo (Deat), onde apresentou o adolescente de 16 anos na madrugada de anteontem.

Com intermédio de Alvaro, o menor se apresentou à UPP da Rocinha com uma pistola num saco plástico e foi conduzido à Deat. A arma está sendo periciada.

O alemão Frank Daniel Baijaim, de 25 anos, levou um tiro na barriga na sexta e está internado no hospital Miguel Couto, na Gávea.

Fonte: Extra