Homem que estuprou duas irmãs exaltava família nas redes sociais

As irmãs estavam no estacionamento do shopping ao serem abordadas

Após dois meses de investigação, a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) prendeu o pedredito Denilson Leonardo, 27 anos, acusado de abusar sexualmente de duas irmãs, de 22 e 26 anos, na região metropolitana do Rio de Janeiro.

As duas irmãs contamq ue estavam no estacionamento de um shopping quando foram abordadas por Denilson que as levou para uma rua deserta e cometeu o crime.

— Ele dizia o tempo todo que se a gente falasse alguma coisa a gente ia morrer. Ele disse que ia matar a gente e a nossa família.

As duas irmãs estavam no estacionamento do shopping quando foram abordadas por Denilson
As duas irmãs foram violentadas por Denilson

O fato das câmeras de segurança do shopping não estarem funcionando fez com que as investigações demorassem mais, pois a única pista era o primeiro e o último dígito da placa do carro do suspeito.

Casado e pai de três filhos, Denilson não levantava suspeitas e exaltava a família nas redes sociais.

Denilson exaltava a família nas redes sociais
Denilson exaltava a família nas redes sociais

A delegada da Deam afirma que ele tem o perfil abusado e "extremamente violento". 

— Estupro já é horrível, mas ele não se limitou. Estuprou, colocou no carro, foi até outro local, roubou, foi até a casa delas e ameaçou. Tem perfil extremamente violento.

Uma das irmãs se mostra mais traumatizada.
— Sem dúvida marca a gente, até por causa da minha situação, porque eu nunca tinha tido relação.

Se condenado, ele pode pegar de 17 a 33 anos de prisão.

A prisão de Denilson tranquiliza a outra irmã.
— Agora eu posso sair um pouco na rua, eu não saía.

Denilson Leonardo
Denilson Leonardo




Fonte: Com informações da R7