Homem tem 70% do corpo queimado após pedir uma cerveja a ex-mulher

O crime aconteceu no distrito de Cachoeira do Campo, em Ouro Preto, região central do Estado.

Uma mulher de 46 anos foi presa no final da tarde de ontem (17) depois de atear fogo no corpo do companheiro. O crime aconteceu no distrito de Cachoeira do Campo, em Ouro Preto, região central do Estado. De acordo com a Polícia Militar, o casal vivia sob o mesmo teto mas já estavam separados.

Diva da Silva contou aos militares que o ex-companheiro, Honorato Gonçalves de Faria Neto, também de 46 anos, se recusava a deixar o imóvel, já que não concordava com a separação. Segundo o relato da agressora, ele pediu a ela que buscasse uma cerveja. Indignada, ela foi até a cozinha e voltou com cerca de 1,5 litro de gasolina e jogou sobre o corpo da vítima. Em seguida, ela ateou fogo em Neto.

O homem teve queimaduras em 70% do corpo, principalmente no rosto, tórax, costas e virilha. Ele foi levado para a Santa Casa de Misericórdia de Ouro Preto, mas, devido à gravidade, aguarda vaga para ser transferido para o Hospital João 23, em Belo Horizonte.

Fonte: r7