Homem estupra mulher, corta o rosto e fura o seu olho por quatro meses

O acusado tinha sido preso em junho do ano passado após ameaçar a mulher, mas foi liberado no final de setembro.

Um homem foi preso em flagrante no município de Feira de Santana, localizado a 108 km de Salvador, na última segunda-feira (17) por ameaçar a ex-mulher de morte. O acusado identificado como Deleon Vitória Santana, de 32 anos, também será indiciado pelos os crimes de tortura e cárcere privado, segundo a delegada-titular Clécia Vasconcelos da Delegacia da Mulher.

O acusado tinha sido preso em junho do ano passado após ameaçar a mulher, mas foi liberado no final de setembro. Em outubro, o homem capturou a ex-mulher Renata Barbosa, 26 anos, no meio da rua e a manteve em cárcere privado. Ainda de acordo com a delegada, a vítima era mantida presa em um imóvel localizado no bairro George Américo durante quatro meses.

A vítima era violentada diariamente, tendo os cabelos cortados e queimados, o rosto cortado, além de ter os dentes arrancados com alicates e socos. O acusado ainda furava um dos olhos da vítima todos os dias durante o tempo em que a manteve em cárcere. A mulher estava grávida de outro homem e o suspeito pulava em cima da barriga dela para forçar o aborto.

Renata conseguiu escapar na última quinta-feira (13) e pediu abrigo a uma amiga. Santana, a partir de então, dizia à vítima que ia furar o outro olho e a ameaçava de morte. A mulher deu queixa na polícia que prendeu o homem por ameaça. De acordo com a delegada, só depois a polícia percebeu que Renata era vítima de tortura, devido à casa ensanguentada. O colchão estava manchado de sangue, assim como as paredes do imóvel.

Fonte: r7