Homem tortura mulher e filhos dentro de casa na zona sul de SP

Marido suspeitava que estava sendo traído

Uma mulher de 28 anos estava em cárcere privado na rua Soriano de Albuquerque, zona sul de São Paulo. A mulher era vítima do próprio marido. Ela foi liberada depois que a mãe dela informou à polícia que há aproximadamente duas semanas não conseguia entrar em contato com a filha.

Policiais foram até a casa da vítima e encontraram o marido dela, Ederson Santo Paz, 35 anos, na sala da casa. A vítima foi encontrada trancada dentro de um quarto e ferida. A mulher contou que vinha sendo espancada e torturada pelo marido diariamente.


Ederson Santo Paz, 35 anos (Crédito: Reprodução)
Ederson Santo Paz, 35 anos (Crédito: Reprodução)


O homem suspeitava que a vítima o traia, por causa de conversas que ele encontrou em aplicativo de mensagens da mulher. De acordo com um policial militar que atendeu a ocorrência, a casa estava completamente revirada e com forte mau cheiro.

No outro quarto, foram encontrados os três filhos do casal, de cinco, sete e 11 anos. O marido da vítima, responsável pelo crime, foi detido em flagrante.

Tanto a mulher quanto as crianças foram encaminhadas ao pronto socorro do Hospital Campo Limpo. As crianças, que estavam bem, foram liberadas e levadas até a casa de uma tia.

A mulher foi medicada e levada ao Instituto Médico Legal. Lá, o laudo comprovou que a mulher foi vítima de agressão diariamente. O caso foi registrado no 47º distrito policial.

Fonte: Com informações do R7