Homossexual piauiense é achado morto com perfuração na cabeça na BA

A polícia civil vai abrir inquérito para investigar o crime

O corpo de Antônio Arimatéia de Oliveira Araújo, de 38 anos, natural do município de Matias Olímpio-PI, que estava desaparecido foi encontrado com marca de perfuração na cabeça na noite de quarta-feira (06), em uma estrada vicinal há 3 Km da rodovia BR-020, há cerca de 20 Km de Luis Eduardo Magalhães, na Bahia.

Piauiense estava desaparecido (Crédito: Reprodução)
Piauiense estava desaparecido (Crédito: Reprodução)


Ari, como era conhecido estava desaparecido há sete dias. O corpo já estava em estado de decomposição. A Polícia Técnica foi acionada para realizar a perícia e o rabecão para remover o corpo para o IML de Barreiras.

Segundo relatos de um áudio que circula no aplicativo WhatsApp, uma jovem conta que a vítima era homossexual e agenciava garotas de programa. Ele teria saído com duas jovens e um cliente e não voltou mais para casa. Seus pertences como carteira com dinheiro e roupas ficaram na casa de uma amiga, onde a vítima estava hospedada.

“No dia da virada ele foi para rua com duas meninas e conheceram um cara. Então, as meninas foram para um motel com esse homem e o Ari foi junto, mas o cara não queria ficar com ele e disse que ia dá um murro na cara dele e disse que ia embora. Mas o Ari estava banhando na banheira e molhou a roupa toda e mesmo assim entrou no carro do cliente, que deixou as meninas em uma boate e saiu com o Ari dentro do carro e desde então ele estava desaparecido”, relatou a jovem.

A autoria e a motivação do crime ainda são desconhecidos. A polícia civil vai abrir inquérito para investigar o crime.


Corpo estava em estado de decomposição (Crédito: Reprodução)
Corpo estava em estado de decomposição (Crédito: Reprodução)
Antônio Arimatéia de Oliveira Araújo era natural do Piauí (Crédito: Reprodução)
Antônio Arimatéia de Oliveira Araújo era natural do Piauí (Crédito: Reprodução)
Fonte: Com informações do Blog Braga