Horticultores sofrem com ação de bandidos na zona Sul de Teresina

Horticultores sofrem com ação de bandidos na zona Sul de Teresina

A polícia já foi acionada, mas disse que só pode fazer alguma coisa quando pegar os ladrões em flagrante.

Nem sempre os horticultores do Promorar encontram suas hortas da mesma forma que deixaram no dia anterior. Isso porque eles são vítimas de assaltantes, que levam tanto as verduras quanto o material de trabalho e estrume. A intenção seria apenas vender para comprar drogas.

De acordo com Cilene Mendes, não se pode deixar nada que os ladrões levam. ?A minha horta fica do lado da cerca e por isso é mais vulnerável. Agora diminuiu mais porque o que roubava foi preso lá na Ceasa?, conta Cilene. Os assaltantes são os próprios moradores do bairro. De acordo com eles, os roubos acontecem tanto de noite quanto de dia, quando os trabalhadores vão almoçar.

A polícia já foi acionada, mas disse que só pode fazer alguma coisa quando pegar os ladrões em flagrante, o que ainda não aconteceu. Além dos roubos, os horticultores ainda enfrentam problemas com um esgoto domiciliar, que vem de um residencial construído recentemente e passa por dentro das hortas. ?Na época do inverno é uma coisa horrível. Alaga tudo e fica um mau cheiro muito forte?, reclama Cilene.

Segundo ela, o políticos prometeram, na época das eleições, resolver o problema, mas nada foi feito. Já em relação aos assaltos, Cilene acredita que a solução era reunir todos os horticultores e pagar um vigia.

Fonte: Nayara Felizardo