Hudson ganha liberdadade após pagamento de fiança de R$ 12 mil

O advogado de Hudson, Manuel dos Reis Andrade Neto, esteve na delegacia pela manhã



O juiz da primeira vara criminal, Rogério Danna Chaib, concedeu liberdade provisória ao sertanejo Hudson após o pagamento de uma fiança de R$ 12 mil. Como a fiança é judiciária e os fóruns da cidade estão fechados, o músico passará mais essa noite preso, até a fiança ser paga pela manhã. Ainda não se sabe as restrições impostas pelo juiz.

Durante entrevista para a imprensa nesta quinta (21), o delegado seccional de Limeira, José Henrique Ventura, revelou que Hudson, ainda não recebeu visita de familiares ou amigos. O sertanejo divide a cela com mais um preso e não tem privilégios. Por estar provisoriamente na delegacia, Hudson não pode receber cobertores, comida ou roupas.

O advogado de Hudson, Manuel dos Reis Andrade Neto, esteve na delegacia pela manhã e colheu rapidamente uma assinatura do guitarrista. Enquanto a defesa se movimenta, o delegado diz que aguarda perícia das armas encontradas na casa do artista para avaliar se elas realmente estavam obsoletas, como alega Hudson. Ele explica que não importa se o músico ganhou a arma de um amigo. Por ser um armamento de uso militar, Hudson pode ficar preso de três a seis anos, e este crime é inafiançável.

Fonte: UOL