Idoso descobre que sua cuidadora e amante na verdade é travesti e traficante foragido da polícia

Idoso descobre que sua cuidadora e amante na verdade é travesti e traficante foragido da polícia

Suspeito fugiu do Paraná para evitar prisão e foi contratado para cuidar de idosa

Para não ser preso por suspeita de tráfico de drogas no Paraná, um homem resolveu fugir para Ivoti, no Rio Grande do Sul, e começou a viver como mulher. Everton passou a ser Gisele. O travesti começou a trabalhar como cuidador de idosos e teve um caso com o próprio patrão. Porém, o romance acabou por revelar a sua identidade verdadeira.

A aproximação do casal aconteceu quando Gabriel (foto) contratou Gisele para cuidar de sua mãe, que mora ao lado da casa que dividia com a mulher.

No entanto, Gabriel se desentendeu com a mulher, Rosane Perliti, e se mudou para a casa da mãe.

Rosane afirmou ter desconfiado da funcionária contratada pelo marido:

? Muito estranha a voz, era de homem, por isso eu estranhei.

Desconfiada, Rosane foi a fundo na história e flagrou o marido e Gisele aos beijos. Nervosa com a situação, a mulher golpeou o carro usado pelo marido.

? Para mim nunca tinha carro pra sair com as minhas filhas. Imagina um travesti no meu carro se exibindo na minha frente ainda!

Gabriel e Gisele foram à delegacia para registrar um boletim de ocorrência contra Rosane, quando descobriram a verdadeira identidade da cuidadora de idosos.

De acordo com o tente da Polícia Militar, Erlon César de Paulo, no momento da averiguação verificou-se que Gisele era de outro Estado:

? Vimos que era de outro Estado e descobrimos que ele havia sido preso por tráfico de drogas no Paraná.

Envergonhado por ter se envolvido com Everton, Gabriel fugiu, mas antes ameaçou matar a mulher e queimar a casa. Everton está preso.

Fonte: r7