Idoso tem casa invadida e é morto asfixiado em THE

Segundo informações, Arnaldo Teles era homossexual e havia uma segunda pessoa em sua casa, o local apresenta vestígios de drogas.

Na manhã desta quinta-feira (30), mais um caso de homicídio com idosos foi registrado em Teresina. Trata-se do ex-diretor do Lacen, Arnaldo Teles, 67 anos, que teve sua casa invadida, na rua Demerval Lobão,no bairro Ininga, zona leste da capital.

Arnaldo Teles era bioquímico e funcionário público estadual, a residência era no mesmo terreno da casa de sua irmã. O corpo do bioquímico não apresenta sinais de tiros ou quaisquer outros ferimentos, o que leva a suspeita de asfixia.

Segundo informações, Arnaldo Teles era homossexual e havia uma segunda pessoa em sua casa, o local apresenta vestígios de drogas.

Ademar Canabrava, delegado do 12° Distrito Policial, informou que recebeu uma ligação anônima na delegacia dizendo que o possível suspeito poderia ser um ex-presidiário que mora na vizinhança.

Fonte: Salomão Prado