Irmã de secretário municipal é assassinada com cinco facadas

O principal suspeito é o namorado da vítima.

A irmã do secretário de Política Habitacional de Curitiba, Osmar Bertoldi (DEM), foi encontrada morta nesta quinta-feira no bairro Rebouças, em Curitiba. Ela foi assassinada com cinco facadas em diferentes partes do corpo. A Delegacia de Homicídios está investigando o caso e não descarta a possibilidade do crime ter sido passional. O principal suspeito é o namorado da vítima.

Mariana Bertoldi tinha 39 anos e namorava um homem de 25 anos. De acordo com o delegado Rubens Recalcatti, a irmã do secretário estava grávida de dois meses. "Ainda não sabemos se houve alguma discussão antes de ela ser morta. Estamos com as investigações em andamento", disse.

O delegado afirmou que Mariana foi morta com cinco facadas, sendo duas no pescoço, uma no braço, uma na mão e outra nas costas. "Pelas características, parece que ela tentou se defender ou que ela tentou correr enquanto era golpeada", afirma Recalcati. O suspeito ainda não foi localizado para prestar depoimento.

O enterro da vítima está marcado para a manhã desta sexta-feira, em Curitiba. Osmar Bertoldi foi eleito deputado estadual em 2010 e posteriormente convidado a assumir a Secretaria Municipal de Política Habitacional de Curitiba, motivo pelo qual está licenciado do cargo.

Fonte: Terra