Acusado de matar Vanessa confessou crime, diz irmão

Homem está desaparecido desde a morte de Vanessa Duarte.

O irmão do suspeito de assassinar a jovem Vanessa Duarte, na Grande São Paulo, procurou a polícia para ajudar no caso e disse que, no sábado, o homem chegou em casa transtornado, contando que tinha cometido uma loucura: sequestrado e assassinado uma moça. A Justiça decretou nesta sexta-feira (18) a prisão temporária do suspeito.

Ele é de Barueri, já foi preso por roubo e está desaparecido desde o assassinato de Vanessa. Segundo o irmão, o suspeito não deixou claro se conhecia Vanessa nem explicou o motivo do crime, mas comentou que tinha mais uma pessoa com ele. Depois da confissão, o homem juntou algumas roupas e sumiu de casa.

saiba mais

O retrato falado feito por testemunhas bate com fotos colhidas na investigação. Também existem indícios de que o outro suspeito dormiu na casa dele, na noite de sexta para sábado, o dia do crime. O delegado pediu para não divulgar os nomes dos dois e espera, com a prisão do principal suspeito, esclarecer as dúvidas que cercam o homicídio.

?Provavelmente essa pessoa já estivesse próxima a ela há alguns dias, estudou e acabou pegando ela como alvo. É absolutamente certo que ele fez já com tudo programado na cabeça. Temos a convicção e temos provas de que ela o conhecia?, afirma o delegado Zacharias Tadros, que também diz que o suspeito continua em São Paulo.



Fonte: R7, www.r7.com