Jardineiro é agredido com uma estaca na cabeça; dois são presos

Segundo informou a esposa de Raimundo, a senhora Maria da Conceição Silva Veras, 43 anos, havia bebedeira e um som muito alto próximo de sua residência

Dois homens foram presos por volta das 20h de quinta-feira (30/10) na Avenida Pinheiro Machado, no Bairro Piauí, acusados de agressão ao jardineiro Raimundo de Lima Oliveira, 45 anos, no Bairro São Judas Tadeu, em Parnaíba.

Segundo informou a esposa de Raimundo, a senhora Maria da Conceição Silva Veras, 43 anos, havia bebedeira e um som muito alto próximo de sua residência; onde funciona uma boca de fumo. Então seu marido foi pedir para baixar o volume quando houve recusa e o desentendimento entre seu esposo e os dois homens. São eles José Alves Viana, 36 anos, e Ademir de Brito Nascimento, 26 anos, “Nenzinho”. Este último foi jogador do Parnahyba Sport Club.


Conceição relatou ainda que ela e sua filha de 15 anos foram agredidas pelos acusados. E com o agravo das discussões, “Nenzinho” agrediu seu marido com uma estaca. Raimundo Oliveira foi levado para o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA), pois estava com forte sangramento na cabeça. Os dois envolvidos saíram do local em um carro Ford Fiesta GL, de cor vermelha, placa HWI 6612 Parnaíba (PI), conduzido por José Viana.


A Polícia Militar foi acionada e uma guarnição da Força Tática, comandada pelo sargento Leonardo, iniciou as diligências com as informações do carro. O veículo foi visto e interceptado na Avenida Pinheiro Machado, próximo ao cruzamento com a Avenida João Silva Filho, no Bairro Piauí. O Ronda Cidadão deu apoio a intervenção.

O carro foi averiguado pela Polícia Rodoviária Federal onde foi constatado atraso na documentação desde 2011. Foi encontrado com eles uma pequena porção de maconha e ambos foram conduzidos para a Central de Flagrantes. Os acusados foram autuados por lesão corporal leve e uso de drogas, sendo que José Alves foi autuado na Lei Seca.

 

Fonte: Pro Parnaiba