Jogador do Grêmio se envolve em confusão e vai para delegacia

Som alto no apartamento do jogador motiva reclamação de moradores, que registram Boletim de Ocorrência contra o atacante do Grêmio na delegacia

Uma confusão envolvendo o atacante Leandro, do Grêmio, acabou na delegacia, em Porto Alegre, na madrugada desta segunda-feira. O advogado Régis Michaelsen Napoleão e um funcionário do prédio em que ele é síndico registraram boletim de ocorrência contra o jogador. Segundo Napoleão, o atleta tentou invadir o apartamento dele e fez ameaças de morte.

Leandro tentou ser contatado via assessoria de imprensa do clube, mas ninguém foi localizado. A RBS TV, afiliada da TV Globo em Porto Alegre, tentou conversar com o atleta, mas ele não quis comentar o assunto.



Napoleão disse que moradores reclamaram do barulho em uma festa promovida por Leandro, que vive no condomínio há cerca de três meses. Ainda de acordo com o advogado, quando os seguranças pediram para o jogador abaixar o volume da música, a confusão começou. O atleta teria chutado a porta de entrada da torre em que mora, quebrado uma placa do jardim e ameaçado agredir os vigilantes, que acionaram o síndico.

- Saí na janela, para saber o que estava acontecendo e, em seguida, ele (Leandro) invadiu a minha torre, subiu até o meu andar e começou a gritar - contou Napoleão.

Os seguranças do condomínio teriam tentado controlar Leandro. O caso acabou na 14ª Delegacia de Polícia.

Fonte: g1, www.g1.com.br