Jogador é morto após reclamar em partida

O crime aconteceu neste domingo (22), na localidade de Cajueiro, zona rural de Barreira (CE).

Está foragido Francisco Édio Gregório Chaves, juiz de futebol amador, acusado de matar um jogador a facadas e ferir outro, durante uma partida no município de Barreira, no Maciço de Baturité (CE).

O crime aconteceu neste domingo (22), na localidade de Cajueiro, zona rural de Barreira, durante a partida entre os times de Barreira e Redenção. De acordo com informações da polícia, no final da partida o juiz apitou um lance que desagradou os jogadores do time de Redenção e houve confusão.

O juiz estava armado com uma faca e atingiu dois irmãos, jogadores do Redenção. Francisco José Ramos da Silva, de 26 anos, foi atingido no peito.

Ele chegou a ser socorrido para o hospital municipal, mas não resistiu aos ferimentos. O irmão dele, Francisco das Chagas Lopes da Silva, de 24 anos, também foi ferido, transferido para o Instituto Doutor José Frota (IJF), em Fortaleza, mas já recebeu alta.

Fonte: Diário do Nordeste, www.diariodonordeste.com.br