Jovem alega ser vítima de homofobia e filma vizinhos pichando porta de sua casa

Ele disse que precisou apagar frases “fortes” para compartilhá-las, mas é possível ver duas agressões: “Bicha” e “Te pego”.

O jovem Junior Lisboa Gomes denunciou, em sua página no Facebook, ser vítima de homofobia em seu prédio, em Brasília. Na última terça-feira, ele publicou na rede social imagens da porta de seu apartamento, que foi pichado por vizinhos com xingamentos. Ele disse que precisou apagar frases ?fortes? para compartilhá-las, mas é possível ver duas agressões: ?Bicha? e ?Te pego?.

? Sendo ameaçado e difamado na porta do meu apartamento, as frases são tão fortes que tive que apagar algumas de imediato, pois tenho até vergonha de mostrar. As pessoas que fizeram só não imaginavam que estavam sendo filmadas ? disse ele, no Facebook.

Junior conseguiu registrar, através do olho mágico, o ato de vandalismo, que atribui aos vizinhos Carlos e Inácia. Ele afirmou que levará as imagens para a polícia, mas teve que deixar a cidade por medo de represálias.

? Não entendo o motivo de tanto ódio das pessoas. Sou tão quieto, na minha, evito às vezes até conversar para não ofender e nem criar inimizade, agora tenho vivido sendo ameaçado, sendo xingado e sendo rotulado por pessoas. Já é a terceira vez que fazem isso na minha porta. ? desabafou o jovem. ? Não entendo por que cada um não cuida da sua própria vida, por que não aceitam a felicidade do próximo, por que sempre querem destruir os demais, porque de tanto egoismo e de tanta inveja. É triste viver numa sociedade em que não estamos seguros nem dentro de nossa própria casa.

O status de Junior ? com mais de 2 mil curtidas e 800 compartilhamentos ? repercutiu na web. A maioria dos comentários era de apoio ao jovem e muitos o estimularam a procurar a polícia e denunciar os vizinhos. Um internauta comentou: ?Não é da minha conta sua opção sexual. Se me perguntar se concordo com a homossexualidade, eu afirmo prontamente que não. Motivos meus e não peço que os entendam. Achei válido vir aqui para dizer: Lute! Lute contra esses animais. Acho que cada um tem o direito de escolher com quem quer conviver, entretanto, acima de tal direito, está o dever de respeitar o próximo?. Uma outra usuária da rede social afirmou: ?Que triste! Tome as providências necessárias e não deixe que isso te atinja... Ninguém tem inveja de um pobre coitado, com certeza você deve ser um ser humano do qual o mundo precisa mais. Gente bem resolvida e feliz atrai inveja e incômodo mesmo?. Junior agradeceu o apoio pela internet:

? Obrigado a todos, pelo carinho, apoio, força, orientação. Sabe, há alguns dias eu estava totalmente desacreditado e sem forças para seguir lutando, sem forças pra viver. O apoio de vocês tem sido de extrema importância, me sinto mais forte e disposto a colocar um basta nessas atitudes intolerantes, para que eles parem não só de me perseguirem, mas também não persigam outros iguais. Liguei para o Disk 100 fiz a denuncia. Como eu tive medo e fugi de Brasilia, estou impossibilitado de fazer o B.O agora, contudo, regresso até no máximo domingo (09/02), onde darei entrada nos processos cabíveis, bem como farei o B.O.

O jovem ainda informou que militantes da causa LGBT estão organizando uma manifestação em frente ao prédio onde ocorreu a agressão.


Jovem alega ser vítima de homofobia e filma vizinhos pichando porta de sua casa

Jovem alega ser vítima de homofobia e filma vizinhos pichando porta de sua casa

Jovem alega ser vítima de homofobia e filma vizinhos pichando porta de sua casa

Fonte: Extra