Jovem de 22 anos leva seis tiros, facada e sobrevive

Após os disparos os acusados fugiram do local. Cabo foi salvo pela mãe, Edna Maria Boas.

Um homem foi alvejado com seis balas na noite de terça-feira, 15. Segundo informações do sargento Sá, da Polícia Militar, Gleidson Boas, de 22 anos, conhecido como ?Cabo?, morador da Rua Nossa Senhora Aparecida, no Bairro de Fátima (São Luís - MA), foi surpreendido por dois homens identificados apenas por ?Chicico? e ?Drex?.

De acordo com o sargento, por volta das 18h, Cabo estava em um local chamado ?Espirrinho? que fica entre a Areinha e o Bairro de Fátima, quando Chichico e Drex chegaram atirando. Os dois acusados estavam armados com revólver calibre 38 e descarregaram todas as balas em Cabo.

Após os disparos os acusados fugiram do local. Cabo foi salvo pela mãe, Edna Maria Boas e mais uma vizinha, que o enrolaram em um lençol e foram de táxi até o Hospital Djalma Marque, Socorrão I, onde ele foi socorrido.

Segundo o sargento, Cabo era ex-presidiário e cumpria pena em Pedrinhas por furto. Ele estava em liberdade condicional e há cerca de um mês foi vítima de uma facada no abdômen. ?O cara é um verdadeiro imortal. Levou uma facada e não morreu e agora levou seis tiros e não morreu, é um imortal?, falou o sargento.

Fonte: O Imparcial, www.oimparcial.com.br