Jovem desaparecida é encontrada morta em praia na Ilha do Governador

A vítima estava desaparecida desde a última sexta-feira, quando saiu de casa para ir à faculdade.

Agentes da Divisão de Homicídios (DH) estão investigando a morte da universitária Pâmela Belarmino, de 19 anos. O corpo dela foi encontrado, na manhã deste sábado, na Praia da Ribeira, na Ilha do Governador, na Zona Norte. A vítima estava desaparecida desde a última sexta-feira, quando saiu de casa para ir à faculdade.


Jovem desaparecida é encontrada morta em praia na Ilha do Governador

O corpo da jovem foi encontrado por policiais militares às 6h30m. Ela estava molhada, na areia, e segundo o comandante do 17º BPM (Ilha do Governador), coronel Corpas, não apresentava sinais aparentes de agressão. O corpo será periciado para checar se a jovem foi estrangulada.

Desde ontem, parentes e amigos da família da jovem postaram mensagens na internet pedindo informações sobre o paradeiro da estudante.

Na sexta-feira, Pâmela saiu de sua casa, em Vigário Geral, na Zona Norte, e foi para a Unisuam, em Bonsucesso, universidade onde estuda Administração. Por volta das 10h, ela saiu do local para ir ao estágio, no Centro, entretanto, ela não chegou à empresa.

? A chefe dela ligou para a família de tarde, perguntando o motivo da falta. Não sabíamos. As amigas confirmam que ela foi à faculdade. Uma circunstância curiosa é que ela estava com uma bolsa, onde estavam seu celular e sua carteira, que não foi encontrada junto de seu corpo. Suspeitamos que ela tenha sido vítima de um roubo ? conta o tio da vítima, Marco Antônio Belarmino.

A DH vai ouvir os familiares da vítima na próxima segunda-feira e pedir imagens do circuito interno da universidade.

O sepultamento da jovem será neste domingo, no cemitério de Irajá, no subúrbio do Rio.

Fonte: Extra