Jovem é morta em apartamento em SP

As imagens do circuito interno de segurança mostram a chegada do homem

A polícia de São Vicente, a 65 km de São Paulo, investiga o caso de uma adolescente de 16 anos encontrada morta dentro de um apartamento na cidade no domingo (25). Câmeras de segurança registraram a entrada de um homem no prédio. Para a polícia, a principal hipótese é que Leia Cristina da Quinta Schemkel tenha sido assassinada por esse homem, que passa a ser suspeito do crime.

As imagens do circuito interno de segurança mostram a chegada do homem, às 7h20 da manhã do domingo, meia hora depois que a irmã da vítima saiu para trabalhar. Ele fica no portão e só consegue entrar quando um morador sai do prédio.

Já no corredor, ele tenta abrir a porta que dá acesso à escadaria, mas não consegue. A última imagem do suspeito mostra ele olhando para cima. Depois de ver a gravação, o delegado Jorge Álvaro Cruz, que investiga o caso, voltou ao local do crime para verificar a possibilidade de o assassino ter escalado o muro.

As suspeitas da polícia só serão confirmadas com o laudo do Instituto Médico-Legal, que vai indicar o horário da morte da adolescente. Por enquanto, a hipótese mais provável é de que a jovem tenha sido morta enquanto dormia.

O corpo de Leia foi encontrado pela irmã, na noite de domingo (25). Havia manchas roxas em seu pescoço. Suicídio e latrocínio ? roubo seguido de morte ? foram descartados pela polícia. Depois da perícia no apartamento, o delegado apreendeu o computador e o diário da adolescente.

Fonte: g1, www.g1.com.br