Jovem é morto com três tiros no bairro Alto da Ressureição

A Delegacia de Homicídios já iniciou a investigação.

Um ajudante de pedreiro identificado como Mateus Sousa Lopes, de 18 anos, foi assassinado a tiros na Vila Alto da Ressurreição, na zona Sudeste de Teresina, durante o final de semana. De acordo com informações da Polícia Civil, que investiga o crime, o jovem foi alvejado com pelo menos três tiros enquanto seguia para comprar cerveja em um estabelecimento comercial.

Relatos de testemunhas repassados à polícia dão conta de que o rapaz estava caminhado por uma rua, nas proximidades da residência onde morava, quando dois homens em uma motocicleta, placa e modelo não identificados, se aproximaram e começaram a realizar vários disparos. 

Atingido na cabeça e no braço, foi socorrido e encaminhado para  Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas devido à gravidade dos ferimentos, não resistiu e morreu.

"Encontramos o corpo e estamos verificado o que, de fato, pode ter motivado o crime", informou o policial Cleber Freitas. 

Balanço IML 

O IML (Instituto Médico Legal) registrou 11 mortes violentas durante o final de semana na Grande Teresina. Um desempregado identificado por Estevão Pereira do Nascimento Júnior, de 19 anos, foi assassinado. O jovem morava na Vila Bandeirantes II, na zona Leste de Teresina.  Foi assassinado com arma de fogo, o zelador Isaque dos Santos Reduzindo, de 21 anos.

Foi encontrado sem vida na pousada Arco-Iris, na rodovia BR-343, no bairro Recanto das Palmeiras, o advogado Diego Nogueira Portela. O corpo dele foi levado para o IML, e de acordo com a apuração da Delegacia de Homicídios diz que foi por causa natural.

Três jovens que estavam com o advogado no motel foram levadas pelos policiais da Delegacia de Homicídios, para fazer exame de corpo e delito no IML.



Fonte: Portal Meio Norte