Jovem mata tia, esquarteja e guarda corpo em freezer dentro de casa

Ele não soube falar quando executou a vítima

Um rapaz matou e esquartejou a própria tia. Ele confessou o crime depois de ser perseguido por policiais militares. O jovem de cerca de 20 anos, morava com a tia há cerca de dois meses em um apartamento. O caso aconteceu em São Paulo.

O pai do acusado estranhou que não via a irmã há alguns dias e toda vez que questionava o filho da ausência dela, ele justificava que ela estava viajando.

Achando tudo muito estranho, o pai do jovem decidiu ir até o apartamento para saber se realmente era verdade a história da viagem. Quando chegou ao local, o filho disse ao pai que a tia não queria vê-lo. Insistente o homem invadiu o apartamento e descobriu que o corpo de sua irmã estava em uma mala dentro de um freezer no quarto.

Assim que o suspeito viu que o pai descobriu o esconderijo com o cadáver partido ao meio, saiu correndo, pegou o carro e fugiu.

O homem chamou por uma viatura policial que estava passando pela rua e informou que suspeitava que seu próprio filho tinha matado a tia. Os policiais fizeram buscas pela região e localizaram o veículo com as características passadas anteriormente pelo pai do jovem.

Quando ele percebeu que estava sendo perseguido acelerou e tentou escapar, mas a viatura conseguiu alcançá-lo e bateu na traseira do veículo, fazendo com que ele perdesse o controle e batesse em um poste.

Após o acidente, o rapaz saiu do carro e acabou confessando o crime, porém não soube falar quando executou a vítima, esquartejou e colocou o cadáver da tia dentro do freezer.

Fonte: Com informações do R7