Jovem que pensava ter sido traído atira em homem errado e é preso

Bruno Élcio de Lima, 19 anos, estava foragido da Justiça e era alvo de dois mandados de prisão preventiva

Um jovem foi preso em Curitiba por suspeita de ter atirado em outro rapaz por vingança, após pensar que havia sido traído pela namorada - o tiro, porém, atingiu o homem errado. Bruno Élcio de Lima, 19 anos, estava foragido da Justiça e era alvo de dois mandados de prisão preventiva - um por homicídio, ocorrido no ano passado, e outro por tentativa de homicídio, em setembro deste ano. No último crime, o suspeito foi influenciado pela própria irmã, que disse que a namorada do rapaz o havia traído com outro homem.

"O autor tinha uma namorada chamada Jennifer. A irmã dele viu essa moça conversando com um homem chamado Gabriel, que a estaria seduzindo. A irmã, então, falou para Lima e o provocou, o chamando de "chifrudo". Muito irritado, e na companhia de um primo, o homem foi até o encontro de Gabriel. Disparou, mas a arma falhou. Com isso, as pessoas que estavam próximas se dispersaram. Na sequência, ele disparou de novo, mas atingiu a pessoa errada", disse o delegado Danilo Zarlenga, da Delegacia de Homicídios.

O homem atingido é Vinícius Barbosa do Couto, 20 anos, que sobreviveu ao ferimento. O primo de Lima também se apresentou à Polícia Civil, prestou depoimento e foi indiciado por participação na tentativa de homicídio, mas responderá em liberdade.

Fonte: Terra