Jovem seqüestrado no MA pode está morto

A polícia não descarta a possibilidade de uma terceira pessoa no caso

Ap?s oito dias, a pol?cia ainda n?o tem pistas do paradeiro do estudante universit?rio Ivanildo Paiva Barbosa J?nior, de 19 anos, que desapareceu ap?s sair de uma festa em Imperatriz.

Na manh? de hoje, em entrevista a R?dio Mirante AM, o comandante da Pol?cia Militar, Cel. Francisco Melo, afirmou que se trabalha inclusive com a possibilidade do jovem n?o estar mais vivo. Em rela??o a motiva??o do crime, Francisco Melo, comentou que nenhuma possibilidade est? descartada, j? que n?o h? muitas informa?es sobre o ocorrido.

Ainda segundo o cel, a pol?cia n?o descarta a possibilidade de uma terceira pessoa estar envolvida no caso. ?N?s temos mais gente suspeita, por que algu?m levou o carro j? quando os policiais haviam sido detidos?, disse.

Policiais concentram as buscas na zona urbana e em propriedades rurais da cidade.

As investiga?es continuam focadas nos soldados Ant?nio Ribeiro Abreu e Smailly Ara?jo Carvalho, detidos administrativamente no quartel da PM desde segunda-feira como suspeitos no desaparecimento do jovem. J? foi encaminhado o pedido de pris?o tempor?ria dos militares.

Ainda ontem, o servi?o Disque-Den?ncia divulgou nota oferecendo recompensa de R$1.000,00 por informa?es que levem ? localiza??o de Ivanildo Paiva. Baste entrar em contato pelos telefones 3223-5800 (capital) ou 0300-3135800. O anonimato ? garantido.

Fonte: Imirante