Jovens são suspeitos de matar aposentada com tiro

Os adolescentes chegaram a levar a vítima desacordada, no carro dela, até a Estrada da Peinha

Foi enterrado na tarde deste sábado (11) o corpo de uma aposentada de 50 anos morta com um tiro no rosto, dentro de casa, em Arujá, na Grande São Paulo. Segundo a polícia, o autor do disparo é um rapaz de 15 anos, amigo de um adolescente de 17 anos que namora a neta dela, de 14. Os dois rapazes foram encaminhados para a Fundação Casa da cidade.

Os adolescentes chegaram a levar a vítima desacordada, no carro dela, até a Estrada da Peinha, em Arujá. Eles acharam que a aposentada estava morta e jogaram o corpo dela no matagal. A mulher recuperou a consciência, caminhou por 50 metros e foi socorrida, mas morreu antes de chegar ao hospital.

Logo depois, a polícia apreendeu os dois jovens, no Centro da cidade, e disse que eles confessaram o crime. Parentes da aposentada disseram que ela não aprovava o namoro da neta com o rapaz de 17 anos e que essa pode ter sido a motivação do crime.

Fonte: g1, www.g1.com.br