Juiz é detido por supostamente bater em mulher

Mulher fez exame de corpo de delito no IML

Um juiz foi detido em Maceió, na sexta-feira (26), suspeito de bater na namorada em local público e desacatar policiais militares. A namorada do magistrado foi socorrida pelos policiais e levada ao Instituto Médico Legal para exame de corpo de delito.

Ele foi levado para o Tribunal de Justiça, para prestar esclarecimentos. Durante toda a noite, foi grande a movimentação de advogados e de parentes do juiz no local. A presidente do TJ, desembargadora Elisabeth Carvalho, decretou a prisão preventiva do juiz, que foi levado para um quartel do Corpo de Bombeiros.

Fonte: g1, www.g1.com.br