Justiça marca julgamento de Bruno para 19 de novembro

Justiça marca julgamento de Bruno para 19 de novembro

Advogados do caso devem entrar com recurso para pedir desmembramento do júri.

Novidades no caso do goleiro Bruno Fernandes: foi marcada a data do julgamento dele e de outros sete acusados do desaparecimento e morte da ex-modelo Eliza Samudio, em 2010. O júri será no dia 19 de novembro, daqui a pouco mais de um mês, às 9h, no Fórum de Contagem.

Os advogados de defesa dos envolvidos devem entrar com pedido de desmembramento do julgamento. Isto porque, no atual modelo, cada um terá apenas 18 minutos para defender seu cliente no júri coletivo. Caso a Justiça não aceite o recurso, todos eles serão julgados ao mesmo tempo e, sendo assim, o julgamento pode levar até quatro dias para terminar.

O jogador teve um novo pedido de liberdade negado pelo Supremo Tribunal Federal recentemente. O advogado de Bruno, Rui Pimenta, protocolou um novo embargo em Brasília para tentar tirar o cliente da prisão e questionou os argumentos do ministro Joaquim Barbosa sobre a decisão. Bruno está preso há dois anos na penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, região metropolitana de Belo Horizonte.

Fonte: R7, www.r7.com