Justiça realiza hoje primeira audiência sobre caso de canibalismo em PE

O tribunal não informou se os acusados irão comparecer a audiência.

O TJ-PE (Tribunal de Justiça de Pernambuco) vai realizar a partir das 14h desta quinta-feira (25), no Fórum Lourenço José Ribeiro, em Olinda, a primeira audiência do processo de acusação das três pessoas suspeitas de assassinar três mulheres e praticar canibalismo em Olinda e Garanhuns. A audiência deve ouvir nove pessoas indicadas pelo MP (Ministério Público Estadual) e é relativa à morte de Jéssica Camila da Silva Pereira, 17, que desapareceu em 2008, em Olinda.


Justiça realiza hoje primeira audiência sobre caso de canibalismo em PE

De acordo com o MP, os acusados do crime, Jorge Beltrão Negromonte da Silveira, 50, Isabel Cristina Pires da Silveira, 51, e Bruna Cristina Oliveira da Silva, 25, também são apontados de cometerem mais dois assassinatos na cidade de Garanhuns. O tribunal não informou se os acusados irão comparecer a audiência.

A magistrada da comarca de Olinda, Maria Segunda, vai ouvir nove testemunhas das 20 pessoas indicadas pelo MP porque as demais não foram localizadas. Os depoimentos serão usados para reconstituir os fatos e ajudar na elucidação de alguns pontos.

Segundo a denúncia do MP, Bruna é mãe da menina de cinco anos que o trio cuidava desde que ela desapareceu. A menina era obrigada a comer carne humana junto com o trio ao realizar ?rituais de purificação?.

Foi em Garanhuns que a polícia descobriu que o trio estava praticando canibalismo e Isabel Cristina vendia empadas recheadas de carne humana com a sobra dos rituais.

Fonte: UOL