Kid Bengala: polícia quer saber se traficante misturava mesmo estimulante sexual em cocaína

Kid Bengala: polícia quer saber se traficante misturava mesmo estimulante sexual em cocaína

Entorpecente apreendido pode ser mistura de cocaína com estimulante sexual

A Polícia Civil analisa se a droga conhecida como "Kid Bengala" apreendida em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, possui estimulante sexual misturado a cocaína. Bruno da Silva Costa, de 22 anos, foi preso na quarta-feira (30). Ele agia na praça do Skate, área nobre da cidade.

A delegada responsável pelo caso, Juliana Emerique, diz que a polícia agora vai investigar o conteúdo da droga.

? Não sabemos ainda se é uma estratégia de marketing desse traficante. Mas ele realmente trazia como chavão dessa cocaína que seria um estimulante sexual para que desse além da "onda".

Bruno vinha sendo investigado por policiais da Delegacia de Nova Iguaçu (52ªDP) havia um ano. Na embalagem da droga vendida por ele, continham as inscrições "Mulher do Brabo" e fotos de sexo explícito.

Segundo o suspeito, ele conseguia as drogas em uma comunidade da zona norte do Rio. Ele foi flagrado com 29 sacolés de Kid Bengala, um pacote de maconha e três vidros de plásticos de cheirinho de loló.

A polícia já prendeu dez suspeitos que vendiam entorpecentes, seis deles na praça do Skate. A delegada Juliana afirmou que, no inquérito instaurado, há pelo menos 20 envolvidos com tráfico de drogas que estão sendo monitorados.

Assista ao vídeo:

Fonte: r7